23 de ago de 2011

Imperialismo: Os Avanços do Japão

É fácil perceber que os países da África e da Ásia tiveram problemas por causa do imperialismo europeu. Mas, e o Japão? Por que conseguiu se desenvolver? Motivo simples como um sushi: Os japoneses conseguiram escapar do imperialismo. Como isso, aconteceu? Em 1853, uma esquadra de guerra dos EUA, comandada pelo comodoro Perry, ameaçou bombardear os portos japoneses. Depois desse típico argumento do capitalismo norte-americano, o Japão abriu o comércio aos EUA, mas tambén abriu os olhos enquanto dava tempo.

Exécito Japonês venceu a Rússia,
no ano de 1905.
    Curiosamente o Japão tivera um desenvolvimento econômico, muito parecido com o do Ocidente. Lá, existiam o feudalismo e uma nobreza dominante, assim como o desenvolvimento de uma burguesia nacional. Em 1868 ocorreu a Revoluçã Meiji, que resultou na construção do Estado burguês. O poder foi centralizado, os nobres feudais tiveram seus podres reduzidos e o Estado passou a dar todo apoio para p avanço da indústria capitalista. O governo ampliou a educação primária, que já era bastante adiantada, e financiou a ida de universitários para a Europa, de onde voltavam trazendo muitos conhecimentos técnicos. Essa mão-de-obra educada seria fundamental para acelerar o crescimento econômico japonês. O Estado emprestava dinheiro para os empresários que quisessem ampliar seus negócios. Empresas estatais eram contruídas e depois vendidas por um preço bem menor para a burguesia.

   No final do século XIX, o Japão já possuía uma razoável indústria capitalista. Podia ensaiar as primeiras patadas imperialistas. Em 1895, os nipônicos (japoneses) tomaram um importante pedaço da China, e em 1905 surpreenderam o mundo ao derrotar a Rússia numa guerra inicipada um ano antes. Era a primeira vez que uma potência europeia sacumbia diante de uma nação asiática.

- Texto retirado do livro "Novo História Crítica" de Mario Schmidt, livro de história utilizado pelos estudantes do CEM 01 de Brazlândia do 1º ao 3º ano.

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...