28 de mar de 2011

Crise mudou a rotina dos japoneses


O terremoto e o tsunami que atingiram o Japão em 11 de março, e a crise nuclear em Fukushima Daiichi, vêm provocando grandes efeitos no cotidiano japonês. Há uma imensa preocupação em economizar energia e também dinheiro, pois as consequências na economia ainda não estão totalmente claras.

A reação calma dos japoneses diante de tal situação foi destacado pela imprensa internacional. Muitos admiram como eles conseguem manter esse “auto-controle” em meio a esse caos.Esse comportamento está relacionado à solidariedade geral em relação ao momento difícil por que passa o país.

No Japão, agora é primavera, época em que as pessoas costumam fazer piqueniques sob árvores de sakura (cerejeira) e assistir aos fogos de artifício. Mas,muitos desses eventos foram cancelados. Casas noturnas e outros estabelecimentos de lazer também tiveram o movimento reduzido. “O movimento é o pior em sete anos, mas não adianta se desesperar. Afinal, é o país todo”, disse Robert Regonati, proprietário do DNA Rock Cafe, na província de Ishikawa.
A brasileira Silvia Yamawaki, moradora de Yokohama, disse que “o movimento na cidade está um pouco menor. É possível notar algo diferente no rosto das pessoas; elas não parecem à vontade para passear ou ficar muito tempo fora de casa em restaurantes, por exemplo”.

Outro fato de grande destaque, foi o aumento das vendas de bicicletas em Tóquio, o que pode ser explicado pela preocupação em ocorrer paralisação de trens e pela economia de energia e combustível. “Sempre soube que a bicicleta era útil, mas nunca havia pensado em usá-la para ir ao trabalho. Agora, não sei por que não fiz isso antes. A distância é muito menor do que eu pensava”, disse um trabalhador de 35 anos ao jornal Asahi.
Infelizmente, o aumento de bicicletas pode trazer um problema. No Japão, as pessoas costumam prendê-las usando correntes e cadeados em grades ou cercas nas calçadas próximas às estações de trem ou metrô – o que geralmente é proibido. Porém, se houver alguma emergência, essas vias deveriam estar livres de qualquer obstáculo.

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...